28.1 – NAQUELA ESTRADA

NAQUELA ESTRADA … VEM CHEGANDO UM CAVALEIRO …
QUE SE DIZ SER BOIADEIRO … COM SEU BERRANTE A TOCAR …
E NO SEU LAÇO TRAZ AS FORÇAS DE OXALÁ …
VEM GIRANDO PELO AR … PRA INIMIGOS AMARRAR …
SEU BOIADEIRO …
VEM AQUI NESTE TERREIRO …
TRAZENDO SEUS COMPANHEIROS …
PARA NOS ABENÇOAR …

28.2- BOIADEIRO VEM CHEGANDO

BOIADEIRO VEM CHEGANDO …
VEM TRAZER SUA BOIADA …
ELE VEM PRA ESTE TERREIRO,
CUMPRIR ORDEM QUE FOI DADA…

28.3 – CADÊ SUA BOIADA

SEU BOIADEIRO … CADÊ SUA BOIADA … ?
SUA BOIADA FICOU LÁ EM BELÉM …
CHAPÉU DE COURO FICOU LÁ TAMBÉM …
SEM SUA BOIADA … ELE NÃO É NINGUÉM …
JETUÁ … JETUÁ … LAÇO DE LAÇAR MEU BOI …
JETUÁ … JETUÁ… EU LACEI UM … EU LACEI DOIS…

28.4 – LUA PRATEADA

LUA PRATEADA
QUE CLAREIA A ESTRADA
SÃO OS BOIADEIROS
TRAZENDO A BOIADA
VEM COM SUA FORÇA
VEM COM SUA LUZ
BOIADEIRO QUANDO CHEGA
FAZ SINAL DA CRU

28.5 – EU TENHO CHAPÉU DE COURO

EU TENHO MEU CHAPÉU DE COURO
EU TENHO A MINHA GUIADA
EU TENHO MEU LAÇO VERMELHO
PRA TOCAR MINHA VAQUEJADA…

28.6 – EH! BOIADEIRA BÓIA O BOI

EH! BOIADEIRA BÓIA O BOI
EH! BOIADEIRA EU NÃO SEI BOIAR…
O BONITO DA VAQUEIRA
É PEGAR E DERRUBAR…

28.7 – OLHA A PONTA DO LAÇO

OLHA A PONTA DO LAÇO BOIADEIRA
EU VI CHEGAR, EU VI CHEGAR,
BOIADEIRA EU VI CHEGAR
OLHA A PONTA DO LAÇO BOIADEIRA
EU VI CHEGAR, EU VI CHEGAR
COM SUA LUZ PR’ESTE CONGÁ

28.8 – POR AQUI CHOVEU

SEU BOIADEIRO, POR AQUI CHOVEU … } BIS
ÁGUA … ROLOU …
FOI TANTA ÁGUA QUE MEU BOI NADOU … } BIS

28.9 – FIRMEI MEU PONTO

FIRMEI MEU PONTO NA PORTEIRA DE UM CURRAL …
E COM MEU LAÇO … EU AMARREI MEU ALAZÃO …
SOU DA JUREMA … SOU DA JUREMA …
É DA JUREMA QUE EU TENHO A PROTEÇÃO …
A MENINA DO SOBRADO …
MANDOU ME CHAMAR POR UM CRIADO …
EU MANDEI DIZER A ELA QUE ESTOU VAQUEJANDO MEU GADO.
JETUÁ … JETUÁ … LAÇO DE LAÇAR MEU BOI …
JETUÁ … JETUÁ … EU LACEI UM … EU LACEI DOIS.

28.10 – CANGA, CANGA BOI.. IÊ

CANGA … CANGA … BOI … IÊ …
CANGA … CANGA … BOI … IÁ …
BOIADEIRO PRECISAMOS …
QUE VENHA PRA ESTE CONGÁ …
SEU BOIADEIRO … NÓS TE CHAMAMOS …
DE NÓS TEM PENA … VEM CAVALGANDO …
SEU BOIADEIRO … MOSTRA SUA LUZ …
VEM TRABALHAR … NA FORÇA DA CRUZ …

SR. JOÃO BOIADEIRO

28.11 – SEU JOÃO BOIADEIRO

SEU JOÃO BOIADEIRO DA CACHOEIRA DE SÃO FÉLIX …
NÃO SAI DA SUA CASA … SEM REZAR A SUA PRECE …
ELE É LAÇADOR … É SIM SENHOR …
JOÃO BOIADEIRO … É O NOSSO PROTETOR …
TEM CHAPÉU DE COURO … COM LAÇO NA CINTURA …
ESTÁ TRABALHANDO PRA TIRAR O QUE SEGURA …
QUEM NÃO CONHECE … JOÃO BOIADEIRO …
VENHA CONHECER … ESTE É O SEU TERREIRO …
VELA MARROM … VENHO OFERECER …
A JOÃO BOIADEIRO … EU QUERO AGRADECER …

28.12 – DÊ BOA NOITE MEUS COMPANHEIROS

DÊ BOA NOITE MEUS COMPANHEIROS
DAÍ LICENSA PRA UM CAVALEIRO
EU MOREI EM MATA SERRADA
O MEU NOME É JOÃO BOIADEIRO
É UM LÊ LÊ LÊ, É UM LÁ LÁ LÁ
É UM LÊ COM LÊ, É UM LÁ COM LÁ

28.13 – ACIMA DE DEUS

ACIMA DE DEUS, NINGUÉM PODE NADA …
ABAIXO DE DEUS, EU E A BOIADA..
SOU BOIADEIRO, SOU SIM SENHOR …
ME CHAMA SEU MOÇO…
QUE EU SOU LAÇADOR..
MEU PAI XANGÔ … É REI JUSTICEIRO
E NA SUA LEI EU SOU BOIADEIRO ..
Ê BOI … E MINHA BOIADA …
ME CHAMA ESTA BANDA …
NA HORA SAGRADA…

DESPEDIDA

28.14 – BOIADEIRO TRABALHOU

BOIADEIRO TRABALHOU …
ELE AGORA VAI GIRAR …
BOIADEIRO VAI PEDIR A OXALÁ …
POR NÓS E ESTE CONGÁ …